Você faria greve de fome contra a reforma da Previdência? 

Foto de divulgação MST/DF

Algumas pessoas do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) decidiram fechar a boca e parar de comer em repúdio às mudanças propostas pelo governo na Previdência Social.
Os membros estão sentados em um dos corredores da Câmara dos Deputados só a base de água, a começar nesta terça-feira, dia 5.
Segundo eles, a greve de comida “significa que alguns passarão fome por alguns dias para evitar que muitos passem fome uma vida inteira.”
O que resta saber é se o estômago desse pessoal vai aguentar até que saia alguma coisa de concreto das infinitas reuniões do presidente com a base governista para a votação dessa reforma.

6 respostas para “Você faria greve de fome contra a reforma da Previdência? ”

  1. Márcia disse:

    Com certeza! Essa reforma prejudica muito o trabalhador é sem dúvida desumana.

  2. Ademar disse:

    Não, porque penso nos meus filhos e netos. A reforma é necessária e obrigatória

  3. Marcos Corbari disse:

    Faria! O rombo da previdência é uma craude! Leiam o relatório ds CPI da ptevidência. É um absurdo o que está sendo proposto!

  4. Benedito Rosa disse:

    Ao contrário. Eu faria em favor de Reformar a Previdência para consertar o Brasil

  5. Aldo Pedreschi Filho disse:

    Eu faria greve de fome a favor da reforma , ela ê urgentissima.

  6. Valter Israel disse:

    Justamente por pensar em meus filhos e netos eu faria greve de fome. A tentativa do governo é demonstrar que a previdência é deficitária, mas o governo não coloca todas as informações na mesa. Sobre a previdência rural por exemplo, o governo apenas está considerando a contribuição direta através do Funrural, mas em sua criação já foram previstas a cofins e a csll.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *