Famosos chamam defensivos de ‘veneno’ e protestam no Instagram

Movimento se intensificou na terça, dia 15, para pressionar votação de projeto de lei que altera regras  para os agroquímicos

Enquanto uma comissão especial da Câmara dos Deputados dá seu parecer ao Projeto de Lei (PL) 6299 de 2002, que altera pontos relacionados à liberação de defensivos, famosos protestam no Instagram. Nesta terça, dia 15, as manifestações contrárias à aprovação do projeto de lei se concentraram ao redor da tag #VenenoÀMesa.

Em seu perfil, a apresentadora de programa de culinária Bela Gil (@belagil) diz que “a proposta libera o uso amplo de agrotóxicos, resultando em mais veneno na nossa comida e mais prejuízo ao meio ambiente”. Ela também destaca que é um movimento da bancada ruralista que estaria tentando “aprovar a todo custo o PL do Veneno”.

A Bancada Ruralista tenta aprovar a todo custo a PL do Veneno (PL) 6299/2002. A Anvisa, a Fiocruz, o Ibama, o Conselho Nacional de Direitos Humanos, entidades do Ministério da Saúde e a sociedade civil são CONTRA ESSA LEI, mas parece não ser o suficiente para sensibilizar os deputados relatores do caso. A proposta libera o uso amplo de agrotóxicos resultando em mais veneno na nossa comida e mais prejuízo ao meio ambiente. LINK NA BIO para assinar a petição contra essa lei violenta!!! ⚠⚠⚠ Eu sei que ainda há mtas dúvidas da população em relação a produção de alimentos agroecológicos, mas até a ONU já declarou que essa é a melhor alternativa de produção sustentável de comida a longo prazo. E como muitos já sabem, o Brasil é campeão no uso de agrotóxicos por causa da sua economia que ainda é baseada no modelo antigo do agronegócio (monoculturas transgênicas). A coisa tá feia e quem sempre sai perdendo são os mais pobres, os mais fracos e os mais vulneráveis.. Não será diferente dessa vez. Diga não a pl do Veneno. 👊🏾👊🏾👊🏾#chegadeagrotoxicos

Uma publicação compartilhada por Bela Gil (@belagil) em

Além de Bela Gil, também estão contra o projeto as atrizes Letícia Spiller e Luana Piovani, o ator Marcos Palmeira e as chefs de cozinha Bel Coelho e Paola Carosella.

Nesta terça, Palmeira usou sua conta na rede social (@marcospalmeiraoficial) para convocar os fãs a acompanharem a sessão da Câmara.

“Feijão se tempera com alho e louro, não com benzoato de emamectina. A substância, proibida no Brasil desde 2010, foi liberada no apagar das luzes do ano passado. E podem botar mais veneno em nossa mesa”, escreveu o ator.

Nas publicações do Instagram, os famosos também disponibilizam a lista de deputados que votarão o projeto e pedem que seus seguidores assinem uma petição por uma “política nacional de redução de agrotóxicos”.