O mundo desperdiça mais de 1 bilhão t/ano de alimentos

A produção de alimentos cresce a cada dia no Brasil e no mundo e, embora exista um grande consumo mundial, ainda é fato que o desperdício acontece de forma globalizada. No Brasil, o índice de alimentos que vão para o lixo chega a 26,3 milhões de toneladas, com a maior parcela, 45%, ficando com o setor de hortifruti. De acordo com a FAO, Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, por ano cerca de 1,3 bilhão toneladas de alimentos são desperdiçados no mundo, causando, inclusive, a emissão de 3 milhões de toneladas de gases de efeito estufa na atmosfera do planeta.

O Brasil tem 3,4 milhões de brasileiros que estão em situação de insegurança alimentar, o que representa 1,7% da população. Segundo relatório da FAO, 805 milhões de pessoas, ou seja, 1 em cada 9 sofre de fome no mundo. “Não podemos simplesmente permitir que um terço de todos os alimentos produzidos seja perdido ou desperdiçado devido a práticas inadequadas, quando mais de 800 milhões de pessoas passam fome todos os dias”, afirma o Diretor-Geral da FAO, José Graziano da Silva.

Esse estudo da FAO aponta que 54% do desperdício de alimentos no mundo acontecem na fase inicial da produção, manipulação pós-colheita e armazenagem. Enquanto os 46% restantes ocorrem nas etapas de processamento, distribuição e consumo.

Desperdício 2

Na pesquisa realizada pela Embrapa Hortaliças, foi identificado que todo esse montante de produtos desperdiçados, além de desequilibrar a cadeia produtiva, impactam na qualidade do produto que chega à do consumidor. Os dados apontam que as principais perdas de frutas e hortaliças estão concentradas nos níveis de manuseio e transporte (com 50%) e comercialização (com 30%). Os desperdícios no campo e de consumo somam 20%.

As mudanças estruturais levam mais tempo e, por vezes, empacam em burocracias e falta de tecnologias, mas o desperdício pode ser evitado dentro de casa. Planejar a semana e comprar somente o necessário ajuda a não jogar fora alimentos que podem ser mais bem aproveitados por outras pessoas.

Aqui no Brasil, a ONG Banco de Alimentos trabalha com ações que contribuem para e redução desse desperdício, através do projeto Colheita Urbana. O lema é “buscar onde sobra para entregar onde falta”, que consiste em um trabalho de parceria com produtores do cinturão verde, mercados ou entidades com excedente de alimentos que tenham interesse em fazer doações. Dessa forma, a ONG colabora para uma melhor distribuição de alimentos no país.

E que tal você fazer a sua parte?

Acesse o site: http://www.bancodealimentos.org.br

 

 

Uma resposta para “O mundo desperdiça mais de 1 bilhão t/ano de alimentos”

  1. Fernando Willian Neves disse:

    Muito interessante o assunto e o compromisso destas pessoas em reduzir estas perdas! Uma dica, visite o banco de alimentos da CEAGESP, lá eles fazem um trabalho excelente no maior entreposto do país! Vale à pena conhecer!!! Saudações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *